Imã de Neodímio N35 (10x05mm)

IMANEODN35105
R$ 4,90

Este Ímã de Neodímio, cujas dimensões são: 10x05mm, também conhecido como ímã de terras raras ou super ímã, é a liga magnética formada por uma liga de Neodímio, Ferro e Boro.

Frete e Prazo

O Ímã de Neodímio é um material raro formado a partir de combinação de três elementos conhecidos: neodímio, ferro e boro.

Esses imãs são muito poderosos em comparação a sua capacidade de atração em relação à sua massa, mas também são mecanicamente frágeis e perdem seu magnetismo de modo irreversível em temperaturas acima de 80°C, podendo até se quebrar devido serem feitos de "pós" e folheações.

Entre as aplicações mais comuns do Ímã de Neodímio podemos citar sensores, obras de artesanato, motores magnéticos, servo motores, alto falantes e muito mais, a depender da finalidade que o usuário deseja aplicar.

Ao manuseá-los é importante tomar cuidado, pois alguns deles são ligeiramente maiores que uma moeda de 25 centavos (antiga), mas são fortes o suficiente para sustentar mais de 10 kg. Eles são perigosos, sendo capazes de prensar a pele ou dedos quando atraídos por um objeto magnético.


ESPECIFICAÇÕES
:
- Imã tipo Pastilha: 10 x 5mm (Diâmetro x Espessura);
- Grade: N35;
- Revestimento: Níquel;
- Magnetização: Axial;
- Temperatura máx.: 80°C;
- Força de tração: ~5,00 Kg (valor apenas para referência, podendo variar dependendo do uso);
- Densidade de fluxo magnético: ~3.200 Gauss;
- Peso unitário: 3,5g.


Notas:
1. Gauss é uma unidade de medida utilizada para definir a densidade de fluxo magnético, que nada mais é a quantidade de linhas de campo magnético que saem da face do ímã em direção ao polo oposto do mesmo ímã;
2. Grade N35: o número da grade se origina de uma propriedade do material, que é o produto de energia máxima magnética, expressada em MGOe (Mega Gauss Oersteds). Este dado, representa o ponto mais forte da “Curva de desmagnetização”, também conhecido como “Curva BH”. Assim, dá pra dizer que aumentando a grade,  aumenta a força do ímã.

Características

434 Itens

Comentários

Não há comentários